Pesquisa  

   

Provas finais e exames nacionais 2021  

   

Estabelecimentos Escolares do AEF  

   

Comunicação  

   

Serviços  

   

Centro Qualifica  

   

Museu do AEF visita agora  

   
1.png3.png4.png9.png4.png7.png7.png
Today321
Yesterday392
This week1189
This month3304
Total1349477


   

Folheto Informativo  

   

Contactos  

   
  • Nota Introdutória
  • Ser Solidário
  • Voluntariado
  • Desporto Escolar
  • Promoção e educação para a saúde
  • UBBU-Programação no 1º Ciclo e 2º ciclo
  • À descoberta das 4 cidades
  • Parlamento dos Jovens
  • Pontes
  • SOBE
  • Erasmus + KA229 (2020-2022)
  • Escola Amiga dos Direitos Humanos
  • Mentes Empreendedoras
  • Inspira o Teu Professor
  • Projeto ATUA!
  • Erasmus + KA227-00ACAA69-EN
  • Projeto Cervantes 06
  • Projeto NEO
  • Projeto Oficina De Língua E Cultura Espanhola
  • Projeto Sou como Sou
  • Projeto CES4KIDS — Mobilidades
  • Projeto/Concurso Prémio FAQtos
  • Projetos da Agenda 21 Escolar
  • Projeto Pro Help
  • Projeto Cientista Regressa À Escola
  • Concurso de Fotografia
  • Projeto Depositrão
  • “Conta-me uma História”

  

Os projetos e clubes dão um importante contributo para se atingirem os objetivos consagrados no projeto educativo. Anualmente, a oferta e a participação são reveladoras do dinamismo do Agrupamento, do envolvimento da comunidade educativa, do empenho e dedicação de professores e alunos e demais colaboradores. A diversidade de projetos e clubes denota a preocupação para o desenvolvimento, nos alunos do AEF (centro de toda a atividade educativa), de competências básicas exigidas pela sociedade atual e consequentemente para a promoção do sucesso educativo e a manutenção de níveis residuais do abandono escolar. A cultura de mudança subjacente a esta preocupação conta com o contributo das reflexões/avaliações permanentes a diversos níveis, não só do conselho de projetos e clubes, mas também, a um nível mais abrangente, da direção, do conselho pedagógico, dos departamentos, dos conselhos de coordenadores dos DT e da equipa de autoavaliação, permitindo incorporar as mudanças necessárias e a consequente adaptação contínua, assegurando algumas continuidades, reformulando ou implementando novos projetos/clubes. É bem evidente a preocupação na diversificação e oferta de experiências de aprendizagem em espaço formal e não formal, as quais valorizam o percurso formativo não só dos alunos mas de outros agentes educativos, nutrindo potencialidades de desenvolvimento individual (+ Pessoa), que conduzem à valorização coletiva e ao reconhecimento externo (+ Escola; + Fundão). Os projetos e clubes privilegiam o sentido de pertença a uma comunidade, reconhecendo as alterações de ordem social, educativa (escola inclusiva) e económica, desenvolvendo ações abrangentes (vertentes ética, cultural, social, científica, artística, desportiva e tecnológica) destinadas ao público interno e externo e valorizando o envolvimento da comunidade educativa, potenciando, assim, práticas inovadoras e contributos diversificados com resultados que abrangem a organização como um todo. Promovem a articulação de órgãos e serviços, internamente e com o exterior, uma vez que só desta forma é possível o envolvimento de diferentes estruturas, alunos de diferentes turmas e níveis de ensino, EE/pais, docentes de várias áreas, entidades externas e pessoal não docente, em torno de objetivos/ações comuns. Reforçam uma atitude de maior abertura ao exterior pelas inúmeras parcerias estabelecidas e pela organização e participação em eventos de divulgação dos projetos e clubes/atividades desenvolvidas. Evidenciam uma preocupação em incrementar a eficiência, motivando alunos e colaboradores, partilhando recursos, reduzindo custos, utilizando as tecnologias de informação (alguns projetos candidatam-se a financiamento externo, outros articulam ações preocupando-se em estabelecer redes de trabalho internas e com o exterior, solicitam apoios a empresas ou a outras entidades.

 

SER SOLIDÁRIO

Docente responsável: Ana Brioso.

 Solidariedade    Partilha

Resumo do projeto:  Recolha de contributos da comunidade escolar (roupas, material escolar, alimentos, artigos de higiene …) para distribuição aos alunos mais carenciados do Agrupamento e na comunidade concelhia através das entregas à “Loja Social do Fundão”. O projeto apoia, ainda, outras instituições de cariz social promovendo/ divulgando os seus produtos.

Objetivos gerais: Desenvolver competências no âmbito da educação para a solidariedade e voluntariado; Contribuir para a melhoria do bem-estar de alunos carenciados do Agrupamento de Escolas; Contribuir para a melhoria do bem-estar de famílias carenciadas no concelho, através da colaboração com a Loja Social do Fundão; Divulgar os produtos elaborados pelos clientes da APPACDM do Fundão e/ou partilhar recursos; Contribuir para a redução de resíduos.

 

Read More

SERVIÇO DE VOLUNTARIADO SEMANAL NO HOSPITAL DO FUNDÃO

Docente responsável: Conceição Godinho

 Escutar    Interagir

Resume: O grupo de voluntariado conta com alunos e três professores participantes. O projeto consta da visita semanal, em regime de rotatividade, aos doentes internados no Centro Hospitalar Cova da Beira - Hospital do Fundão. O grupo semanal é constituído por quatro elementos: dois alunos voluntários e dois professores. As ações de voluntariado são mantidas ao longo de todo o ano, em período letivo através de professores e alunos; em período não letivo, através dos professores e, eventualmente, alunos que se disponibilizam a participar. A abordagem ao doente inicia-se com a oferta de exemplares do “Jornal do Fundão” cedidos por aquele semanário. A partir dessa primeira abordagem é desenvolvida a interação com cada doente, essencialmente no sentido de atenuar a realidade do internamento hospitalar. Sempre que se concretiza a edição do jornal escolar “Olho Vivo”, os alunos voluntários também distribuem exemplares no sentido de divulgar as atividades realizadas no Agrupamento e promover a articulação com a comunidade. O projeto possui outras áreas de intervenção, nomeadamente: participação em atividades de animação dos espaços hospitalares na época natalícia e de chegada da primavera, intituladas respetivamente, “Natal no Hospital” e “Sentir a Primavera” que têm sido desenvolvidas em colaboração com o Departamento de Expressões. Estas ações têm sido implementadas em colaboração com o Voluntariado da Liga dos Amigos do Centro Hospitalar Cova da Beira; e o envolvimento em atividades solidárias tem sido articulado com o Banco Alimentar da Cova da Beira e a Missão Continente/ Cruz Vermelha Portuguesa.

Objetivos gerais: Favorecer o contacto intergeracional através do interesse e disponibilidade para interagir com os utentes; Valorizar boas práticas de cidadania; promover uma abertura da escola à comunidade.

 

 

 

 

 

 

Read More

DESPORTO ESCOLAR

Docente responsável: José Miranda.

 

Competição    Saúde    Comportamento cívico

Resumo do projeto:   Através do Projeto de Desporto Escolar, o acesso à prática desportiva torna-se num elemento chave na formação integral dos alunos, favorecendo a aquisição de competências de cidadania, hábitos de vida saudável e promoção do sucesso escolar.

As modalidades praticadas no AEF são: basquetebol juvenis masculinos; futsal masculino iniciados; natação (todos os escalões); ginástica rítmica (todos os escalões); futsal juvenis femininos; dança; andebol infantis masculinos.  

PES - Programa de Educação para a Saúde

Docente responsável: Alda Fidalgo.

                                                                              

Resumo do projeto:         

O Agrupamento de Escolas do Fundão foi classificado com o nível III (avançado), no âmbito do galardão Selo Escola Saudável. Esta atribuição é o reconhecimento, por parte da DGE, do trabalho desenvolvido em prol da saúde e do bem-estar da comunidade educativa; das relações interpessoais saudáveis; da participação da comunidade educativa; dos resultados das aprendizagens e da imagem positiva da escola. Continuamos a trabalhar no sentido de termos uma escola cada vez mais saudável, em que a Educação para a Saúde se define como “uma combinação de experiências de aprendizagem que tenham por objetivo ajudar os indivíduos e as comunidades a melhorar a sua saúde, através do aumento dos conhecimentos ou influenciando as suas atitudes”(OMS).

Educar para a Saúde consiste em dotar as crianças e os jovens de conhecimentos, atitudes e valores que os ajudem a fazer opções e a tomar decisões adequadas à sua saúde, ou seja, ao seu bem-estar físico, social e mental. A ausência de informação incapacita ou dificulta a tomada de decisão.

Neste contexto pretende-se que sejam desenvolvidas atividades no âmbito da Alimentação Saudável e Atividade Física, Educação para o Consumo, Saúde Sexual e Reprodutiva, Sexualidades e Prevenção de IST, Prevenção do Consumo de Substâncias Psicoativas, Prevenção da Violência Escolar e do Bullying.

A concretização destas atividades irá ter o apoio de várias entidades parceiras: Centro de Saúde do Fundão; Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias; Curso Profissional Técnico de Auxiliar de Saúde do nosso Agrupamento.

O Gabinete de Apoio ao Aluno conta com elementos da equipa PES, para apoio aos alunos e a outros elementos da comunidade.

No âmbito do Clube de Saúde sempre que haja necessidade de atendimento, ao nível da enfermagem, contamos com o apoio técnico de uma enfermeira da UCC- Centro de Saúde.

Neste gabinete funciona também o apoio prestado pela Terapeuta da Fala do nosso agrupamento, aos alunos que dele necessitam.

 

Objetivos gerais: Contribuir para a promoção e educação para a saúde da população escolar; Desenvolver estilos de vida saudáveis; Prevenir comportamentos de risco; Contribuir para a promoção e educação para a saúde da população escolar; Desenvolver estilos de vida saudáveis; Prevenir comportamentos de risco; Envolver a Comunidade Educativa nas ações de Escola, no âmbito da saúde.

 

 

Read More

UBBU PROGRAMAÇÃO NO 1º CICLO e 2º CICLO (Academia de Código)

Docente responsável: Teresa Félix

 

Programação    Animação     Jogos

Resumo do projeto:         

É um projeto de parceria com a câmara municipal do Fundão (CMF). É um trabalho com alunos, dinamizado por um formador da CMF, coadjuvado pelo professor da turma, durante 60 minutos semanais - no 1º ciclo e 45 minutos semanais - no 2º ciclo.

Dos currículos referem:

Introdução à programação (Nível I)

Através de jogos, vídeos e atividades, os alunos têm um primeiro contacto com a programação. Adquirem noções básicas de programação, identificam computadores, constroem robôs e programam no contexto de pequenos projetos.

Introdução à programação (Nível II)

Os alunos aprofundam e adquirem novos conceitos de programação, através de vídeos e projetos de programação por blocos de histórias, animações e pequenos jogos.

 

Objetivos gerais: Preparar a criança para uma sociedade digital através do ensino das ciências da computação.

À DESCOBERTA DAS 4 CIDADES

Descoberta  Geminação  Água  Parcerias 

 

 

O projeto “À Descoberta das 4 Cidades” é dirigido aos alunos do 1.º ciclo do ensino básico e contribui para dar a conhecer cada concelho a nível geográfico, social, cultural e económico. As “cidades irmãs”, cuja geminação se mantém, volvidos 30 anos (desde 1994), através do projeto educativo “À Descoberta das 4 Cidades”, são o Fundão, Marinha Grande, Montemor-o-Novo e Vila Real de Santo António.

Objetivos gerais: Fomentar o conhecimento sobre as cidades geminadas; promover o intercâmbio entre as escolas envolvidas; participar de forma ativa e criativa nas comemorações do aniversário das quatro cidades; valorizar e enriquecer a formação cívica e científica; contribuir para que as aprendizagens se consolidem; envolver alunos, professores, pais e autarquias.

Coordenadora: Manuela Roque 

Parlamento dos Jovens

Debate  Democracia  Participação cívica  CRP   Política

  

Parlamento dos Jovens - 3º ciclo 

Coordenador: António Amaral/ Conceição Godinho

Parlamento dos Jovens - Secundário 

Coordenador: António Amaral/ Natália Marques

O programa Parlamento dos Jovens, aprovado pela Resolução n.º 42/2006, de 2 de junho, é uma iniciativa da Assembleia da República, dirigida aos jovens dos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e do ensino secundário, de escolas do ensino público, privado e cooperativo do Continente, das Regiões Autónomas e dos Círculos da Europa e de Fora da Europa. O programa culmina com a realização anual de duas Sessões Nacionais na Assembleia da República: - Uma Sessão destinada aos alunos do 2.º e 3.º ciclo do ensino básico - Parlamento dos Jovens Básico – Fake news: que estratégias para combater a desinformação? - Uma Sessão destinada aos alunos do ensino secundário - Parlamento dos Jovens Secundário – Fake news: o impacto da desinformação na democracia

 

Objetivos gerais:  Promover e valorizar a educação para a cidadania e o interesse dos jovens pelo debate de temas de atualidade; Estimular as capacidades de expressão e argumentação na defesa das ideias, com respeito pelos valores da tolerância e da formação da vontade da maioria; Sublinhar a importância da sua contribuição para a resolução de questões que afetem o seu presente e o futuro individual e coletivo, fazendo ouvir as suas propostas junto dos órgãos do poder político.

 

PONTES

Docente responsável:  José Luís Oliveira

Diversidade    Autonomia

Resumo do projeto:         

Projeto com o apoio da “Associação Luzlinar”, que dinamiza, com alunos do Agrupamento de Escolas do Fundão atividades na área das expressões com o apoio do artista plástico Flávio Delgado.

 

Objetivos gerais: Integrar e desenvolver a autonomia, a diversidade e a singularidade de cada aluno.

 

 

SOBE

Docente responsável: Célia Gil/João Teodósio

 

 Livros e Saúde Oral

 

Resumo: O impacto da cárie dentária no dia‐a-dia da população é subtil, mas penetrante, influenciando a alimentação, o sono, o estudo e os papéis sociais. A sua prevalência e o sinal recorrente com que se manifesta constituem problemas sérios de saúde da população infantil e juvenil, sendo mesmo considerada uma epidemia silenciosa.     

Da colaboração entre a Saúde e a Educação, nasceu um projeto inovador, o projeto Saúde Oral Bibliotecas Escolares (SOBE), que inclui a sobreposição natural entre a Saúde Oral, a Literacia e o universo das Bibliotecas Escolares. O projeto explora materiais e atividades de leitura que promovem aprendizagens, contribuindo para a alteração dos comportamentos ligados à saúde oral.

Objetivos gerais: Subir na qualidade da divulgação da saúde oral; Subir no número de parcerias com as escolas e outras instituições; Subir no grau de perceção da importância que esta área da saúde tem para as famílias e as crianças.

 

 

 

 

 

 

ERASMUS +

Docente responsável: João Teodósio

 

Crise

              Humanidade

                                        Atitude

                                                    

Resumo do projeto:         

O projeto Europeu "The Future We Choose" foi elaborado tendo em conta o facto de as Escolas dos seis países parceiros sentirem a necessidade de encontrar soluções para apoiar os jovens alunos a reconhecer situações de crise e aprender formas de as ultrapassar, bem como compreender quais são os seus direitos como jovens e como cidadãos.

 Objetivos gerais: :Pretende desenvolver competências nos alunos de modo a mostrar uma atitude correta (adaptação e descoberta) de soluções rápidas que permitam ultrapassar situações inesperadas em situações de crise, tais como terremotos, incêndios, inundações, vírus perigosos, ações terroristas e mudanças climáticas, para além de outras situações inesperadas.

 

 

ESCOLA AMIGA DOS DIREITOS HUMANOS

Docente responsável: Catarina Crocker

 

Direitos

              Respeito

                              Socialização

                      

Resumo do projeto:         

O projeto Escolas Amigas dos Direitos Humanos foi desenvolvido no contexto do Programa Mundial para a Educação para os Direitos Humanos, lançado pela ONU em 2004, que enfatizou a integração da educação para os direitos humanos nas escolas primárias e secundárias em todo o mundo. É um projeto global da Amnistia Internacional implementado em escolas em África, América Latina, Ásia e Europa e está a decorrer em Portugal desde 2013, tendo até 2019 apenas 6 escolas participantes.

 Objetivos gerais :Pretende capacitar os jovens e promover a participação ativa de todos os membros da comunidade educativa na integração dos valores e princípios dos direitos humanos nas várias áreas da vida escolar.

 

 

MENTES EMPREENDEDORAS

    Eu Quero! 

                Eu Posso! 

                          Eu Faço! 

 

Os clubes Mentes Empreendedoras desafiam os jovens, a desenvolver as suas competências de liderança, autonomia, talento e superação para construírem uma atitude de cidadãos ativos e com impacto na comunidade. Destina-se aos alunos do ensino secundário, cumprindo um programa de três anos: Anos 1 e 2: 7 workshops presenciais por ano letivo, com acompanhamento pelas mentoras. Ano 3: Formação e cofacilitação dos workshops junto de uma turma do 1.º ano na mesma escola. No AEF, funciona nas turmas TAS20 e TAS, sendo a sua mentora Ana Moreira. 

Objetivos gerais: Promover uma nova atitude juntos dos jovens, mais proativa e resiliente, com reflexos no seu desenvolvimento pessoal. Estimula a resolução de problemas da comunidade, através do desenho e implementação de projetos de intervenção. 

Coordenadora: Luís Gonçalves 

INSPIRA O TEU PROFESSOR

    Professores  -   Inspirar -  Concurso 

 

Ao longo de três workshops, os alunos são sensibilizados para a importância do professor. Desenvolvem iniciativas com mensagens que valorizam e inspiram os professores e que são partilhadas com toda a comunidade. São agentes de inspiração e fazem a diferença com pequenos grandes gestos de agradecimento e reconhecimento. Paralelamente desenvolve-se o Concurso Inspira o Teu Professor, onde os alunos participantes do programa podem concorrer com os projetos inspiradores. No AEF, funciona nas turmas 7ºA, 7ºB e 7º D e 9ºA, 9ºC. 

Objetivos gerais: Reforçar a missão social dos professores, tendo os alunos como dinamizadores da mudança e inspiração. Promove atitudes proativas e de cidadania nos alunos envolvidos.

 

Coordenadora: Gabriela Cruz 

PROJETO ATUA!

Empreendedorismo   

Economia circular    

Desenvolvimento regional

Negócio

 

 

Desenvolvimento regional;

 

Negócio.

O Projeto ATUA! é promovido pela Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela e destina-se aos alunos do 1.º ciclo e ensino secundário. Este projeto, sendo uma mais-valia para o território, promove a autonomia, criatividade, responsabilidade e atitude para encontrar soluções para os mais diversos problemas da região. Esta iniciativa insere-se no projeto de Combate ao Insucesso Escolar, financiado pela União Europeia ao abrigo do Centro 2020.

Objetivos gerais: Este projeto tem como objetivo específico estimular competências associadas a um perfil empreendedor junto da comunidade escolar e potenciar projetos e ideias de negócio, inovadoras, sustentáveis e com impacto positivo para a Região das Beiras e Serra da Estrela

 

Coordenadora: Maria João Baptista

ERASMUS + “Preventing Early School Leaving through Creativity and Wellbeing of Body and Soul”

Docente responsável: Luís Nunes

 

Boas práticas    Abandono escolar    Saúde física e psicológica

                                                    

Resumo do projeto:         

O projeto apoia o combate ao abandono escolar precoce e promove o sucesso escolar de todos os alunos. Estimula a criatividade através das artes e dá prioridade ao desenvolvimento de competências e inclusão. O abandono escolar precoce é muitas vezes o reflexo de uma sociedade “doente”, que é importante trabalhar junto dos jovens para que sejam cidadãos plenamente integrados e saudáveis. Assim, o objetivo deste projeto é ensinar alunos e professores como criar um ambiente de aprendizagem positivo, sustentar relações significativas, revelando a importância do autocuidado com o corpo e com a mente.

 Objetivos gerais: Partilhar boas práticas entre as escolas envolvidas internacionalmente (Estónia; Alemanha; Portugal; Espanha e Noruega). Prevenir o abandono escolar através da criatividade e do bem-estar físico e mental.

 

 

PROJETO CERVANTES 06

Docente responsável: Ricardo Gaspar

 

Intercâmbios escolares Aprendizagem linguística (Português e Espanhol) e culturalata Internacionalização

Resumo do projeto:         

O projeto tem uma dimensão curricular, onde participam as disciplinas de Português, Espanhol, Filosofia, Geometria Descritiva e uma dimensão extracurricular desenvolvida através de encontros presenciais entre alunos e professores do Agrupamento de Escolas do Fundão e um ou mais Institutos de Educación Secundaria (Obligatoria) espanhóis.

Desenvolve-se pela comunicação à distância, via correio tradicional ou digital; sessões de trabalho/partilhas através de videoconferência. Comparação entre as culturas ibéricas relativamente a aspetos relacionados com as aprendizagens essenciais (partilhas orais e/ou escritas: produção de panfletos e/ou textos para o jornal escolar e/ou trabalhos escritos com apresentação oral em sala de aula, etc.).

Objetivos gerais: Pretende-se a agilização e promoção de experiências linguísticas, histórico-filosóficas, arquitetónicas, estéticas e culturais entre instituições escolares ibéricas e o nosso agrupamento.

PROJETO NEO 

Docente responsável: Teresa Félix 

 

Apoio Plataforma   Sucesso

Resumo do projeto:         

O Projeto NEO Fundão (cujo promotor é o NotaExito) define-se pela realização de tutorias e apoio escolar por videoconferência para alunos, nas disciplinas de Matemática e Português, através de acesso a uma plataforma informática interativa. A maioria dos alunos reside nas zonas rurais do concelho do Fundão onde o acesso e a disponibilização de ferramentas de apoio ao estudo é praticamente inexistente. O Programa de Tutoriais Online está integrado no âmbito do Plano Estratégico de Promoção do Sucesso Escolar/Combate ao Insucesso, da Câmara do Fundão e é apoiado pela CIMBSE, em articulação com as ações inscritas nos planos estratégicos específicos desse território.

Objetivos gerais: Apoiar os alunos e as famílias nas disciplinas de Português e Matemática. Contribuir para o sucesso dos alunos.

PROJETO OFICINA DE LÍNGUA E CULTURA ESPANHOLA: “Palabras a Tu Ritmo”

Docente responsável: Ana Gabriela Baptista

 

Espaço lúdico-didático Comunidade de aprendizagem

 

Resumo do projeto:         

Este projeto contribui para a formação integral dos alunos dotando-os de conhecimentos, capacidades e atitudes em conformidade com o perfil do aluno; contribui para a aquisição, consolidação e ampliação de competências e de conhecimentos; promove a melhoria dos resultados escolares, contribuindo para o sucesso educativo; apoia as necessidades de aprendizagem e de inclusão, auxiliando as práticas pedagógicas na disciplina de espanhol; fomenta a aprendizagem da língua e cultura espanhola e dos países hispano-falantes (música, cinema, arte e património histórico); contribui para a internacionalização e visibilidade do agrupamento no âmbito da União Europeia, com a participação de alunos de Espanhol em projetos europeus, como o ETwinning, comunidade de escolas da Europa.

Objetivos gerais: Conhecer, aperfeiçoar e aprofundar habilidades linguísticas de comunicação e expressão oral da língua espanhola, num contexto de aprendizagem ativa lúdico-didática, com a realização de atividades/ações desenvolvidas quer em espaço escolar, quer em espaço digital.

PROJETO SOU COMO SOU — Autoestima em Meio Escolar

Docente responsável: Rosa Antunes

 

Autoestima Saúde mental  Confiança e bem-estar

 Resumo do projeto:         

Com alguns materiais da formação de 2021, “Programa Eu Confiante da Epis” e outros textos, vídeos, filmes, livros e músicas selecionados para as disciplinas de Português e CDD, levar os alunos a refletir sobre as mensagens veiculadas nos meios de comunicação social (tema de CDD do 8º ano) sobre aparência física, autoestima e autoaceitação e à produção de materiais para divulgar o trabalho realizado nas sessões.

Objetivos gerais: Participar na vida da escola e assunção de responsabilidades de solidariedade e cidadania, desenvolvimento pessoal e bem­estar das crianças e jovens.

 Promover o bem­estar das crianças e jovens.

 Promover o ensino/aprendizagem/avaliação.

Envolver as famílias na vida escolar

PROJETO CES4KIDS — Mobilidades

Docente responsável: Cristina da Cruz

 

Mobilidade  Sustentabilidade   Jovens  Cidades

                                                

Resumo do projeto:         

O Projeto CES4Kids visa ouvir e compreender os hábitos, necessidades e preferências de crianças e jovens no campo da mobilidade, bem como capacitar novas gerações para serem participantes na cocriação da mobilidade. Inclui a criação de material educativo sobre os princípios da mobilidade sustentável para utilização no contexto escolar, a celebração de eventos de divulgação e sensibilização e a organização de atividades dinâmicas de aprendizagem para colocar em prática os conhecimentos adquiridos. Os alunos identificam os pontos fortes e fracos do seu ambiente escolar em termos de mobilidade.

A turma participante neste projeto é a PEAC/TAS21.

 

 

Projeto/Concurso Prémio FAQtos

 

Docente responsável: Cristina Guedes

 

Radiação  Secundário  Saber técnico

 Resumo do projeto:         

O projeto FAQtos, desenvolvido no INOV – INESC/Instituto Superior Técnico vai ao encontro dos objetivos de formação dos alunos do Ensino Secundário, nomeadamente na componente de formação de Cidadania e Desenvolvimento, visando a realização de projetos de natureza transversal e multidisciplinar. Pretende-se estimular competências em várias áreas, designadamente, pensamentos crítico e criativo, raciocínio e resolução de problemas, saber técnico e científico, relacionamento interpessoal, desenvolvimento pessoal e autonomia, saúde e ambiente, linguagens e textos, e informação e comunicação.

No âmbito deste concurso, foram aprovados para desenvolvimento três projetos no nosso agrupamento.

Objetivos gerais: Prémio FAQtos é o de promover um concurso a nível nacional, orientado para os alunos do Ensino Secundário, que contribua para a formação de uma consciência coletiva em matéria de campos eletromagnéticos oriundos de fontes de telecomunicações (banda das radiofrequências), e do seu impacto na sociedade, bem como potenciais efeitos na saúde e ambiente.

PROJETOS DA AGENDA 21 ESCOLAR

 

Docente responsável: Paula Martins

 

 Resumo do projeto:         

Os projetos da Agenda 21 Escolar são promovidos pela CMF e destinam-se aos alunos do 1.º e 2.º ciclo:

Projetos da agenda 21 escolar para 2021/2022:

  • À Descoberta da Água
  • A Minha Horta
  • A Nossa Gardunha!
  • Adote um Amigo
  • Água É Vida
  • Arquitetura Sustentável
  • Comer Bem Dá Saúde e Faz Crescer
  • Compostagem — Reciclar os Alimentos
  • Desperdícios
  • Energia Para Todos
  • Queres Brincar CãoMigo
  • Reduzir e Reutilizar é Que Está a Dar
  • Um Dia com Um Agricultor

Objetivos gerais: Pretende-se consciencializar as crianças, enquanto veículos de comunicação, de como agir em relação ao seu dia a dia, nas mais diversas ações, melhorando a sua atitude e contribuindo para um mundo melhor.

PROJETO PRO HELP

 Docente responsável: Joaquim Guedes

Comunidade   Competências  Profissionais

 

 Resumo do projeto:         

O projeto Pro Help funciona com os alunos de todos os cursos profissionais em funcionamento no AEF. Semanalmente e rotativamente, os alunos irão pôr em prática as suas competências técnicas para apoiar a comunidade escolar na resolução de pequenos problemas, consoante a natureza do curso:

— Apoio na área da eletrónica;

— Apoio na área da informática;

— Apoio na área social;

— Apoio ao nível dos serviços jurídicos;

— Apoio ao nível da realização de análises;

— Apoio ao nível de pequenos cuidados de saúde.

Objetivos gerais: Pretende-se desenvolver competências nos alunos relacionadas com as áreas tecnológicas dos diferentes cursos profissionais em funcionamento no AEF.

PROJETO CIENTISTA REGRESSA À ESCOLA 

 Docente responsável: José Rafael Sebastião

Native Scientist   Escola  Ciência   

Educação circular 

 

 Resumo do projeto:         

Programa de enriquecimento curricular que dá às alunas e alunos, do 4.º ano de escolaridade a oportunidade, única e inesquecível para muitas/os de conhecerem e interagirem de perto, durante um dia, com um/uma cientista nas suas escolas.

Objetivos gerais: Aprender, de uma forma vivida, novos conceitos e vocabulário através da interação direta com um profissional das ciências.

CONCURSO DE FOTOGRAFIA

Docente responsável: José Luís Oliveira.

 

Fotografia    Comunidade escolar    Olhar pela objetiva

 

Resumo do projeto: Promove anualmente, e ao longo do ano, diversas iniciativas com vista à sensibilização da comunidade educativa do Fundão e de Trancoso, para diversas temáticas, “olhadas” pela objetiva de uma câmara fotográfica.

Objetivos gerais: Promover, através da fotografia, parceria entre o AEF e o AE Trancoso. Estimular a comunidade educativa a captar o meio que os rodeia através da câmara fotográfica.

 

 

PROJETO DEPOSITRÃO

Docente responsável: Célia Freitas

 

REE RPA Escola

 

Resumo do projeto:         

O projeto Geração Depositrão resulta de diversas campanhas levadas a cabo pela ERP Portugal junto da população escolar, desde 2007.

As escolas representam um papel muito importante na informação, formação e educação dos adultos de amanhã, excelentes e eficazes prescritores e influenciadores do comportamento dos adultos de hoje.

A implementação do projeto em meio escolar contribui para estes objetivos.

Objetivos gerais: O projecto Geração Depositrão tem como principal objetivo introduzir o tema dos REEE e RP&A no programa escolar.

“Conta-me uma História”

Docente responsável: Estela Pais

 

Partilhar Motivar Interagir 

Tansdisciplinaridade

Escola Aberta

 

Resumo do projeto:         

Contar histórias com o intuito de desenvolver o gosto pela leitura e escrita a partir de histórias recolhidas por alunos, pais, avós, professores e partilhá-las na escola (podendo qualquer um dos interlocutores ser o contador da história). Poderão ser usadas histórias do PNL. A exploração das histórias poderá originar, fichas de leitura, dramatizações, teatros…

Objetivos gerais: Colmatar algumas dificuldades de leitura, escrita, interpretação e melhorar a criatividade. Motivar para a aplicação do Plano Nacional de Educação Literária.

   

Constituição do Conselho Pedagógico 2017/2018

 

Ana Maria Oliveira Brito Raposo

Presidente

 

Coordenadores

Representantes

 

Celeste Lourenço de Oliveira Fernandes

Pré – Escolar

Grupo 100

 

José Rafael Alves Sebastião

Primeiro Ciclo

Grupo 110

 

 

Maria Manuela Bento Albino Batista Miranda

Departamento de Línguas

Grupo 210 - Português e Francês

Grupo 300 - Português

 

Grupo 330 - Inglês

Grupo 220 - Português e Inglês

 

Grupo 350 – Espanhol

 

 

Rosalina Nunes Gomes

Departamento de Expressões

Grupo 240 – Educação Visual e Tecnológica

Grupo 250 – Educação Musical

Grupo 260 – Educação Física

Grupo 530 – Educação Tecnológica

Grupo 600 – Artes Visuais

Grupo 620 – Educação Física

 
 
 

Grupo 910 - Educação especial 1

Grupo 920 - Educação especial 2

 

 

Maria Natália Lindeza Marques

Departamento de Ciências Sociais e Humanas

Grupo 200 - Português e Estudos Sociais/História

Grupo 290 - Ed. Moral e Religiosa Católica

Grupo 400 - História

Grupo 410 - Filosofia

Grupo 420 - Geografia

Grupo 430 - Economia e Contabilidade

 
 
 
 
 
 

 

 

Anabela Nunes Lopes dos Santos

Departamento de Ciências Experimentais

Grupo 510 - Física e Química

 

Grupo 520 - Biologia e Geologia

 

 

Joaquim António da Silva Guedes

Departamento de Matemática e Tecnologias

Grupo 230 -Matemática e Ciências da Natureza

Grupo 500 - Matemática

Grupo 540 - Eletrotecnia

Grupo 550 - Informática

 
 
 
 
 
 

Paula Maria Saraiva Martins

Diretores de Turma 2º Ciclo

 

Regina Maria Martins Costa

Diretores de Turma 3º Ciclo

 

João dos Santos Afonso

Diretores de Turma Secundário

 

Deolinda Martins Gil

Diretores de Turma e Diretores de Curso de dupla certificação

 

Maria Margarida Teles Damázio Dias Ferreira

Bibliotecas

 

Ana Alexandrina Rente dos Reis Marujo Pina

Equipa de Autoavaliação

 

Jorge Manuel Morgado Silva

Centro para a Qualificação e Ensino Profissional

 

Isabel Maria Morgado Henriques

Serviço de Psicologia e Orientação

 

Maria João dos Santos Batista

Projetos de Clubes

 

 

   
   
   
   
   

Procedimentos Concursais  

   

OFERTA FORMATIVA 2021-2022  

   

Dias de Escola  

   

Manuais Escolares 2021/2022  

LISTA DE MANUAIS ADOTADOS

1º ciclo

2º ciclo 

3º ciclo 

Secundário

   

informação...  

   
   

projetos financiados pela União Europeia  

   

importante....